A gestão de redes sociais é tão importante quanto qualquer outra atividade de marketing de uma empresa com presença digital. E, como parte dessa estratégia mais geral, deve se submeter às etapas de planejamento, execução e análise de resultados.

Afinal, a sua página no Facebook, Twitter, LinkedIn ou Instagram se propõe captar a atenção dos internautas brasileiros, e eles passam, em média, 3 horas por dia nas redes sociais, sendo bombardeados por todo tipo de informação.

Ou seja, o que não faltam são clientes potenciais online. Cabe a você traçar a estratégia correta para atingi-los, e isso é feito por meio da gestão de redes sociais. Entenda mais sobre isso neste post.

O que é a gestão de redes sociais

A gestão de redes sociais consiste em assegurar que haja um propósito por trás da sua produção de conteúdo social. Assim, ela demanda um certo grau de planejamento para economizar tempo e atingir as pessoas certas.

O primeiro passo para tal é definir em quais redes sociais você deve se fazer presente. E, no que diz respeito a esse assunto, menos é mais.

Escolher as redes sociais adequadas

Esteja atento ao nível de afinidade do seu público-alvo com determinadas redes. Além disso, por natureza, alguns tipos de negócio vão se adaptar melhor em certos ambientes do que outros.

Por exemplo, lojas de roupas encontram logo o seu público no Instagram e Pinterest. E sem muito esforço, já que as características visuais dessas redes facilitam a exposição de produtos, dicas de moda e outros conteúdos visualmente atraentes.

Por outro lado, LinkedIn e Facebook se adaptam bem ao conteúdo de empresas que desejam passar uma imagem mais sóbria. Para falar a verdade, a rede do Mark Zuckerberg — pela sua flexibilidade e grande número de funcionalidades — e Twitter se adaptam bem a quase todo tipo de negócio.

Sendo assim, evite a todo custo se pautar por quantidade e tentar se fazer presente em várias redes. Comece escolhendo duas ou três que realmente façam sentido para o seu negócio e invista seu tempo nelas.

Delimitar um objetivo

Para não perder tempo, é preciso também ser pragmático. O que você quer das suas redes sociais? Se a resposta é “vender mais”, saiba que são raros os casos em que elas se prestam a fechar negócios.

No entanto, para relacionamento, elas são o que há de melhor. Não há plataforma na internet que permita ouvir elogios e reclamações, tirar dúvidas e conhecer tão bem as pessoas quanto as redes sociais.

Como gerir as redes sociais de forma eficiente

Tendo escolhido as redes sociais adequadas e com um objetivo bem definido, fica mais fácil começar. Porém, para gerir eficientemente esses espaços, há ainda outras dicas, e todas elas têm a ver com o tipo de relacionamento que é desenvolvido com o público que lê o que você publica.

Conheça a audiência e produza conteúdo de qualidade

Acima, falamos sobre como conhecer clientes e potenciais clientes é importante. É fundamental, então, que você gaste tempo com isso antes, durante e depois de postar seu conteúdo.

Até a quantidade de posts por semana depende disso. A sua audiência pode se desinteressar se o conteúdo for pouco, ou sentir-se sufocada, se ele for muito. A dica aqui é ser consistente. Isso significa que você deve publicar com a mesma frequência, evitando baixas ou excessos que você não conseguirá lidar.

Esse tipo de dica parece óbvio, mas não é. Para quem gerencia uma página, é tentador assumir que sua audiência gosta de certas coisas e se enganar redondamente. Não à toa, os profissionais de marketing fazem testes para compreender e otimizar sua gestão de redes sociais.

Postar conteúdo de qualidade pressupõe que conheça a sua audiência, e ela pode pensar totalmente diferente de você. Então, não tome como certas algumas opiniões até que elas sejam confirmadas com números. O que nos leva ao próximo tópico.

Meça seus resultados e faça ajustes

O Facebook disponibiliza uma aba chamada “informações” a quem deseja medir os resultados de suas campanhas. Está tudo lá: visualizações das postagens, dados de engajamento, curtidas etc.

Não sobrevoe esses dados. Eles são preciosos e, assim como acontece com o Facebook, são medidos por qualquer tipo de rede social. Crie a rotina de dar uma olhada neles antes de produzir cada nova peça de conteúdo. Demora pouco e faz muita diferença.

Vale a pena terceirizar a gestão de redes sociais?

Como você deve ter percebido, a gestão de redes sociais está longe de ser apenas uma atividade criativa. Ter bons insights de conteúdo e postar são só algumas das partes do trabalho.

As outras são planejar, analisar, interagir, buscar dados que fundamentem novos conteúdos e muito mais. A rotina do social media — profissional que faz gestão de redes sociais — é um constante abrir e fechar de ferramentas de marketing digital.

Só para citar as principais:

  • O BuzzSumo, que vasculha a internet em busca dos tópicos do momento e analisa suas postagens com base neles;
  • O HootSuite, ferramenta de agendamento de postagens mais famoso do mercado;
  • O SEMRush, que monitora o tráfego orgânico do seu site, inclusive, identificando que parte dele vem das redes sociais;
  • O Google Trends, que analisa as tendências dos mecanismos de buscas — e, consequentemente, determina indiretamente os assuntos do momento das redes sociais;
  • O Canva e o Desygner, softwares em nuvem especializados em ajudar quem não é designer a criar boas artes para as redes sociais.

O ponto a que queremos chegar com este artigo é que não, não é tão fácil assim gerenciar redes sociais de forma eficiente. Ainda mais por que você, que está lendo este texto, provavelmente tem pouco tempo para dedicar a essa tarefa.

Logo, se estiver ao seu alcance, o ideal é contratar uma agência especializada. Ela vai saber como trazer os resultados que você espera, gastando o mínimo de recursos (com anúncios, por exemplo).

Como escolher uma agência especializada

Uma agência especializada deve ter conhecimento da dinâmica das redes sociais e experiência no assunto. Deve, ainda, contar com um time de profissionais criativos e, ao mesmo tempo, apaixonados por números.

Se essa agência for capaz de oferecer outros serviços de marketing digital além desse tipo de controle, melhor ainda. Afinal, a gestão de redes sociais só faz sentido em um panorama de marketing digital maior — elas deve se adequar a uma estratégia ampla do seu negócio para conseguir novos clientes online.

Aqui, na Mad Brain Digital, oferecemos todas essas vantagens. Quer saber mais sobre como realizamos a gestão de redes sociais dos nossos clientes? Então, entre em contato com a gente agora mesmo!

Escreva um comentário